htpp://www.sidiojunior.com.br

terça-feira, 3 de abril de 2012

Os riscos da rede mundial de computadores.

Recebi mensagem eletrônica hoje, aduzindo que Yves Hublet (aquele idoso que desferiu algumas bengaladas no cassado Deputado Federal José Dirceu) havia morrido em situações misteriosas, induzindo a acreditar que ele foi preso devido às bengaladas e que a doença não existia. Outrossim, afirma-se que ele foi cremado.

Noutra oportunidade, publiquei texto intitulado "Uma análise jusfilosófica da falsa história difundida no sistema mundial de computadores sobre Arnaldo Jabor" (Disponível em: http://www.sidio.pro.br/JaborFalsaNoticia.pdf).

Diante da mensagem eletrônica, respondi:

Caríssimo(a),

Há muita maldade na rede mundial de computadores. Temos que tomar cuidado quando difundimos "notícias" que desgastam imagens de pessoas. Até entendo que o Zé Dirceu merecia que jogassem nele aquilo que era para ser jogado na Geny (falo daquela da música do Chico Buarque), o que seria mais adequado do que as bengaladas desferidas por Yves Hublet. Porém, veja o absurdo anexo e depois visite:

O velho "justiceiro" foi preso porque transportava duas garruchas velhas (armas de fogo antigas) e parece que, sabendo do seu grave estado de saúde, pretendia morrer no Brasil, onde fez sucesso como escritor. Outrossim, está enterrado no cemitério Campo da Esperança, em Brasília.

Ratifico aqui o meu desejo de que as pessoas busquem se assegurar das "notícias" que divulgam na rede mundial de computadores porque elas podem provocar grande prejuízo em decorrência de maldades pessoais de quem "planta" equivocados boatos.

Nenhum comentário: